Arquivo

Posts com a tag ‘Notícia’

As semelhanças entre os logotipos dos eventos esportivos com as obras de Henri Matisse

January 2nd, 2011 Ester Castro 4 comentários
Logo do Rio 2016 e sua semelhança com o logo da fundação Telluride

Logo do Rio 2016 e sua semelhança com o logo da fundação Telluride

Mal foi lançado o logotipo Rio 2016, criado por Fred Gelli da agência Tátil Design, que começam a minar especulações (ou quem sabe constatações) sobre a sua criação não ser original.
Fred admite a semelhança com o logo da fundação americana Telluride mas nega que seja plágio. Ele alega que por representar um ato universal como dar as mãos e dançar, é natural que o referido logo levante polêmica e comparações.

Mas muito antes de um alegar cópia do outro, quem na verdade foi o grande plagiado em questão é o pintor e escultor francês Henri Matisse (1869-1954).
Alguém aí discorda?

Dance II, 1909-10 - Henri Matisse

Dance II, 1909-10 - Henri Matisse

E tem mais.
Curiosamente essa não teria sido a primeira coincidente semelhança com as obras do autor.
Se você botar reparo no logo do Rio 2007 e da Copa 2014, irá descobrir de cara a origem de tanta inspiração como bem lembrou a blogueira Daniela Name. Não é um espanto?
Portanto se alguém estiver sendo vítima de plágio, este alguém parece ser mesmo Henri Matisse. Basta dar uma olhada na galeria de suas obras.

Eu sei que a velha máxima do “nada se cria, tudo se copia” é um fantasma entre aqueles que produzem arte e conteúdo, mas se o indivíduo admira ou se inspira em algo, por que não deixar claro isso em sua criação?

Parece ser mais doloroso ter que admitir que não criou algo do zero do que sofrer a vergonha de ser acusado de plágio. Como as pessoas são complexas… ou então burras mesmo!

Via Globo.com e Daniela Name

Categories: Informação, Notícia, Tudo

Tadinhos dos políticos desse país com a mixaria de seus salários…

December 17th, 2010 Ester Castro 6 comentários

E o salário ó!
E o salário ó!

Realmente não dá pra ter uma vida digna com os míseros R$ 12 mil ou R$16 mil  recebidos até então por deputados estaduais e federais respectivamente. Afinal eles trabalham tão árduamente para melhorar este país dando o sangue para que o brasileiro possa ter um futuro melhor, sendo mais do que justo que se autoconcedam um aumento salarial de 61,8%, não é mesmo????

NOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOTTTTTTT!!!!!

Pois é meus queridos. Como é de praxe em último ano de mandato, os digníssimos senhores congressistas correram contra o tempo para aprovar no último dia 15 em caráter de urgência, um projeto que aumenta (de novo) os seus próprios salários. Essa pressa toda se deve porque por disposição legal não lhes é permitido pleitear aumento na mesma legislatura, então é preciso que votem e aprovem o reajuste que passa a vigorar no mandato seguinte.

Isto posto, os salários de presidente e vice-presidente da República, ministros de Estado, senadores e deputados, que estes passarão a receber a partir do ano que vem, será algo em torno de R$ 26 mil, FORA OS BENEFÍCIOS, alcançando o mesmo patamar dos vencimentos dos ministros do STF. Ou seja, todo mundo vai ganhar igualzinho pra não ter invejinha.

Vale lembrar que esse aumento gera um efeito cascata, pois como prevê a lei (ah de novo essa lei tão benevolente…), deputados estaduais tem direito de receber o equivalente a 75% do salário de um deputado federal e no âmbito municipal, apesar do reajuste levar em conta o número de habitantes, pode ser fixado entre 20% e 75% sobre os rendimentos de um deputado estadual.
Essa proeza toda vai custar aos cofres públicos cerca de 2 bilhões de reais ao ano!!!

Brasilzão tá podendo né? E de onde vão tirar a diferença pra cobrir o rombo? Hein? Hein?

Agora tentem voltar uns 4 anos no tempo quando a Transparência Brasil publicou um estudo comparativo dos custos do Congresso Nacional com os de países como Alemanha, Argentina, Canadá, Chile, Espanha, Estados Unidos, França, Grã-Bretanha, Itália, México e Portugal. E adivinha qual país gastou mais com seus políticos???

E se na época cada deputado custava, entre vencimentos pessoais, verba de gabinete, auxílio-moradia, passagens e outras despesas, em média R$ 99.467 por mês aos cofres públicos, agora então nem se fala. Vão nadar de braçada em nosso mar de vergonha.

Os salários dos políticos já eram por si só um acinte e esse aumento então é a ofensa das ofensas…

Enquanto isso, professores e policiais, duas das áreas que no meu entendimento deveriam estar entre as mais bem remuneradas desse país, continuam recebendo muito aquém do que merecem.

Esse é o nosso Brasil, democrático que é, possuindo uma isonomia salarial tão real quanto o histórico escolar de Tiririca.

Fontes: Congresso em Foco, O Globo e IG

Entenda a classificação dos games segundo a ESRB

October 19th, 2010 Ester Castro 4 comentários

A ESRB é a organização que classifica os games distribuídos na América do Norte, de acordo com o seu conteúdo adequando-o para as respectivas faixas etárias. É a mais conhecida. Os jogos que temos aqui em casa são todos classificados por ela.

Existe também a BBFC do Reino Unido, a CERO do Japão, a PEGI da Europa,  entre várias outras. Aqui no Brasil temos a DJCTQ, que além dos jogos eletrônicos, também classifica filmes e programas de TV.

Veja os exemplos de classificação segundo a ESRB:

Early Childhood (Maiores de 3 anos)

Early Childhood (Maiores de 3 anos) – Contém conteúdo considerado próprio para crianças até 6 anos. Jogos nesta categoria não contêm qualquer material impróprio. Esses jogos são especificamente destinados a crianças e jovens e geralmente de natureza educativa.

Everyone (Maiores de 6 anos ou livre)

Everyone (Maiores de 6 anos ou livre) – Contém conteúdo considerado impróprio para menores de 6 anos, antigamente, mas agora a classificação é representada livre para todas as idades. Títulos nesta categoria podem conter violência animada ou fantasiosa leve.

Everyone 10+ (Maiores de 10 anos)

Everyone 10+ (Maiores de 10 anos) – Contém conteúdo considerado impróprio para menores de 10 anos. Títulos nesta categoria podem conter violência animada ou fantasiosa moderada, linguagem agressiva leve, sangue animado e/ou mínimos temas sugestivos.

Teen (Maiores de 13 anos)

Teen (Maiores de 13 anos) – Contém conteúdo considerado impróprio para menores de 13 anos. Títulos nessa categoria podem conter violência, temas sugestivos, humor cruel, pouco sangue, jogos de azar e/ou uso moderado de linguagem forte.

Mature 17+ (Maiores de 17 anos)

Mature 17+ (Maiores de 17 anos) – Contém conteúdo considerado impróprio para menores de 17 anos. Títulos com essa classificação contêm violência mais forte com sangue, consumo de drogas ou álcool referências sexuais e/ou linguagem obscena.

Adults only 18+

Adults only 18+ (Maiores de 18 anos) – Contém conteúdo considerado impróprio para menores de 18 anos. Colocada em jogos adultos que contêm representações de sexo e nudez extrema e/ou violência incluindo sangue.

Existe ainda o selo RP (Raiting Pending) dado aos jogos submetidos a análise e que ainda não foram finalizados para lançamento oficial.

Só que essa classificação nem sempre é unânime. Devido as divergências culturais, um mesmo jogo pode ter classificação diferente de acordo com a região, podendo inclusive ser recusado ou proibido. Cito entre outros, o exemplo do RPG Risen (PC Xbox 360) que tem classificação Mature pela ESRB, mas foi banido no Japão por suposto conteúdo sexual e incentivo ao uso de drogas. Engraçado que esse joguinho aqui póóódchi, porque enfiar o dedo no cu dos outros é cultura, né? :8:

Alguns jogos regulamentados em uma mesma região podem ainda ter a sua classificação revista para menos ou para mais, se a opinião pública levantar a questão, como foi o caso do Oblivion (PC, Xbox 360, PS3) inicialmente classificado como Teen pela ESRB e depois alterado para Mature. Claro que existem vários outros casos como esse.

Não sei lá fora, mas aqui no Brasil, vamos combinar que a classificação de permissão etária só se restringe a mera informação e é totalmente ignorada pela pirataria, afinal nem todo mundo compra games originais, como bem lembrou o colega @finatto ao comentar num post polêmico meu sobre a violência dos games. E adultos com filhos, compram e classificam o jogo a seu bel arbítrio. O que para uns é considerado impróprio, para outros não, ou seja, em casa, os pais é que determinam o que é permitido ou não, sem acatar a orientação do selo. Acontece muito.

Aqui em casa sou bem resolvida quanto a isso e embora eu sempre defenda a ideia de que o problema não é o game que influencia, mas sim o indivíduo que é influenciável, tenho minha própria política doméstica de acesso aos jogos sempre com muito, mas muito diálogo, informação, presença e amor.

Fontes: ESRB e Wikipedia

E por falar nisso…

No que diz respeito aos estabelecimentos públicos como lojas e locadoras, existe um Projeto de Lei tramitando na Câmara dos Deputados, que se for aprovado, irá proibir a venda e a locação de jogos violentos à menores de 18 anos, sob pena de cassação do alvará de funcionamento. A proposta é da deputada Sueli Vidigal (PDT-ES) que certamente entende tudo do assunto. A pirataria agradece…

Passo a vez à vocês para opinar sobre. Concordam com o projeto ou não?

Heavy Rain vai mesmo virar filme!

May 25th, 2010 Ester Castro 2 comentários

Heavy Rain

Eu já havia “cantado essa pedra” quando falei aqui sobre o jogo há algum tempo atrás.
Heavy Rain, título exclusivo do PS3, realmente se destaca muito mais pela história do que pelo jogo em si e transformá-lo em filme, se bem produzido e dirigido, pode ser sim uma excelente ideia.

Os produtores Bob Shaye e Michael Lynne, da Unique Features adquiriram o direito de fazer a adaptação. Parece que a sede foi tanta que não quiseram esperar o aval da parceira nas negociações Warner Bross, e decidiram tirar a groja do próprio bolso para comprar os direitos em caráter de produção independente. Mas é bem provável que o acordo entre ambos ainda seja oficializado.

Bob e Michael, fundadores e ex-executivos da New Line Cinema (agora pertencente a Warner Bross), mega estúdio que foi responsável pela trilogia de Senhor dos Anéis, Seven entre outros, deveriam estar mesmo com o feeling aguçado para perceber o potencial do game para um longa-metragem.
Repito, o enredo é excepcional. Mas sempre fica aquele medo duvidoso disso funcionar ou não.

O IMDb já reservou uma página para o filme anunciando-o para 2012. É esperar pra ver.

Via Jovem Nerd e Softpedia

Corpos – A Exposição está no Brasil!

May 22nd, 2010 Ester Castro 2 comentários

Corpos - A Exposição está no BrasilUm pouquinho diferente da Exposição Corpo Humano: Real e Fascinante que esteve no Brasil em 2007, mas assinado pelo mesmo mentor, o médico Roy Glover, abriu ontem em São Paulo a exibição Corpos – A Exposição.

Para quem não sabe, os corpos são realmente corpos humanos doados que foram tratados e conservados com uma técnica revolucionária, permitindo assim que fiquem intactos por anos. A única parte não humana nestes corpos são os olhos, que não podem ser preservados, sendo então substituídos por esferas de vidro.

Esse tipo de exibição possui um caráter altamente educativo. As pessoas poderão ter uma melhor compreensão do funcionamento do corpo humano, bem como ver e comparar um coração infartado ou um pulmão sadio com o pulmão de um fumante, por exemplo.
Elas terão acesso à órgãos, fetos ou corpos inteiros que normalmente são só disponíveis à estudantes de medicina ou em cursos que tem a grade de anatomia. Deve ser fascinante isso!

São duas as principais diferenças dessa exposição em relação à “Corpo Humano – Real e Fascinante”, anteriormente apresentada no Brasil. A primeira é que os visitantes verão os corpos expostos em poses que demonstram o movimento, como de um jogador de futebol, rugby, tênis e maratonista. Essas posições atléticas demonstram como o corpo funciona de dentro para fora simulando a atividade física.

A outra mudança diz respeito ao avanço do processo de dissecação. Em “Corpos – A exposição” são utilizadas as mais avançadas técnicas de dissecação e preservação polímera (polimerização), desenvolvidas pela equipe do diretor médico da mostra, Dr. Roy Glover (prof. emérito de Anatomia e Biologia Celular da Universidade de Michigan), conferindo maior realismo às peças.

Corpos – A Exposição não será exibido em outra cidade brasileira, apenas em São Paulo na OCA, Parque do Ibirapuera até o dia 08 de agosto de 2010.
Mais informações, no site oficial da exposição que já está no ar.

Tá dada a dica. Privilegiados são os que estão em Sampa ou que passarão por lá.
Eu queria muito ver! :aiai:

Fonte: O Globo