Hoje eu tô mordendo….

25.04.07 - 9:00 PM Ester Castro







Sorry pessoal, mas hoje não foi o meu melhor dia…Aliás com essa “uruca” em cima de mim, os últimos dias não tem sido dos melhores…
Fui arranjar esse cisto (posts referentes) que gorou minha viagem na semana santa e a “santa” aqui já tá perdendo a paciência por causa dessa cirurgia que não sai…
O cirurgião que iria fazer a vídeolaparoscopia tá fora do Brasil e só retorna mês que vem. Pra antecipar minha excisão fui à procura de outro cirurgião que por sua vez me pede uma ecoendoscopia, que acabei não fazendo pelo fato deste médico alegar que o cisto era o menor dos problemas (como assim????) e talvez nem faria a retirada dele…
E amanhã (ou melhor hoje, pois já passa de meia-noite) vou novamente à Goiânia tentar um terceiro cirurgião, para ver se ele marca essa “vídeo” pra “ontem”!!!
Só sei que nessa peleja, já fui umas “trocentas” vezes até a capital, fazendo exames e mais exames, consultas e mais consultas, e a maioria dos médicos correndo dessa cirurgia por ser rara e nunca terem feito antes…
Pelo menos eu estou assintomática, mas quem ficaria tranquilo com um “limão” espremido entre o pâncreas, baço e rim, hein??
Tento ao máximo não perder o humor, mas tá ficando difícil…
Vou dormir pra acordar daqui a pouco e pegar a estrada… de novo….
Fui….



Categorias: Tudo, Vida Pessoal







Confira outras postagens no blog!

2leep.com


Os comentários são via Facebook, portanto precisa estar "logado" para comentar. Vale lembrar que o teor dos mesmos são de inteira responsabilidade do comentarista.

Comente!! Assim saberei o que você pensa! ;)




  1. Derney Ramos
    26, abril, 2007 em 18:27 | #1

    Uma vez eu escutei uma historia que me ajudou muito, Falava de um homem que trabalhava em uma grande fazenda Esse homem era o servo de confiança do Senhor da fazenda, tudo que era mais importante ficava na responsabilidade desse homem. Certo dia o Senhor da fazenda lhe disse que iria dar uma tarefa para esse homem e que ao terminar esse trabalho ele seria muito bem recompensado. O homem como um servo muito fiel, nem se preocupou com a recompensa, simplesmente pediu que o senhor lhe passasse a tarefa e ele sentiria-se bem em cumpri-la. O Senhor então disse, apontando para uma grande montanha no meio da fazenda: – Vê aquela grande rocha ali na frente? E o homem disse – Sim – Quero que você a empurre com toda a força que possui. Quero que dedique todo seu tempo a partir de agora nessa tarefa. O rapaz não entendeu muito bem o propósito daquilo, mas se prontificou em cumprir o que lhe foi mandado. No dia seguinte logo cedo ele foi para o local onde estava a grande rocha e começou a empurra-la e empurro o dia todo até o anoitecer quando voltou pra casa, exausto e com muitas dores. Esse processo se repetiu por dias, semanas e meses, a cada novo dia ele ia até a grande rocha e a empurrava com toda a sua força. Com o passar do tempo um outro homem que trabalhava na fazenda chegou ao lado dele e disse: – Caro colega, vejo que a tempo está tentando mover essa grande pedra do lugar e mesmo com todo seu esforço ela não se moveu um milímetro sequer. Porque ainda tenta fazer isso? Essas palavras ficaram na sua mente e ele começou a desanimar, a cada dia ele se dedicava menos a empurrar a rocha até que uma hora ele disse a si mesmo. – Meu colega tem razão, é inútil, eu nunca conseguirei fazer isso que o Senhor me pediu. No dia seguinte bem cedo foi até o Senhor e falou com ele: – Senhor, me desculpe, falhei na minha designação, não consegui cumprir minha tarefa, não consegui mover nem sequer um milímetro a rocha que o Senhor me pediu. O senhor com um sorriso no olhar e muita calma disse. – Meu querido servo, você não falhou na tarefa que eu te dei, eu te disse para empurrar a rocha, e isso você tem feito diligentemente, uma prova disso é que você já tem sido recompensado com a recompensa que eu te prometi. Olhe para si mesmo, lembra-te de como eras antes de começar esse trabalho que te passei? – Olha para teus braços musculosos, seu peito e costas definidos, suas pernas rígidas, olhe pra você, você é muito melhor e mais forte agora, você tem muito mais potencial para fazer qualquer coisa agora do que antes. – Quanto a mover a rocha meu querido servo, não se preocupe, no momento certo eu a moverei para você!A alguns dias tenho acompanhado seu dilema com essa doença, então estou deixando essa pequena história que me ajudou muito. Quando pensamos no Senhor da fazenda como Jesus Cristo podemos ter uma idéia do amor que ele tem por cada um de nós e que essas dificuldades são para o nosso bem. Lembre-se que o Senhor nunca da um desafio maior que as nossas forças aguentam. Sempre tem um escape. Continue firme e lembre-se sempre que você tem um Pai olhando por ti e pronto para te ajudar…Parabéns pela força…http://mocassbc.blogspot.com/

  2. in_darkness®
    26, abril, 2007 em 14:00 | #2

    Ester …. estou ficando preocupado !!! com você

  3. Philipe
    26, abril, 2007 em 08:44 | #3

    È uma merda mesmo, né? Esses médicos são F*. Não é com eles, eles muitas vezes tratam a gente burocraticamente. Mas fica relax que tudo vai se resolver.

  4. Wagner
    26, abril, 2007 em 07:45 | #4

    agora o problema mesmo são eles né?! =/ boa sorte!!! abraço!=D

  5. ANDRÉIA
    26, abril, 2007 em 07:09 | #5

    Bom Ester, só me resta novamente desejar-te boa sorte, agora com o médico né.Grande abraço!!!

  6. Adriana
    26, abril, 2007 em 05:26 | #6

    Continuo aqui torcendo por vc… Vai dar tudo certo, tenha fé! Super beijo pra vc

Fechado para comentários.