Páscoa, religião e futebol

05.04.10 - 12:02 AM Ester Castro






Um episódio lamentável protagonizado nestes últimos dias por alguns jogadores do Santos entre eles, Neymar, Fábio Costa, Paulo Henrique Ganso e Robinho, foi exaustivamente comentado tanto na internet como nas demais mídias.

Pra quem pegou o bonde andando, saibam que os cidadãos acima citados se recusaram a entregar ovos de páscoa numa entidade assistencial que cuida de portadores de paralisia cerebral, por questões religiosas. Leia a matéria.
Os jogadores, que segundo consta são evangélicos, não entraram no Lar Espírita Mensageiros da Luz, justamente por se tratar de uma entidade espírita e ao que parece no entender deles, seria um “ambiente do diabo”. WTF!

Antes de prosseguir, um pequeno aparte. Se for pra eu entrar para uma religião pra ficar besta assim, tô fora e passo longe.

Mas a celeuma dessa questão toda é: que religião é essa que arrasta multidões e ganha rios de dinheiro em nome Jesus e nem ao menos pratica o que Ele mesmo ensinou? O que houve com o amar o próximo como a si mesmo?
Que convicções religiosas são essas onde não cabem solidariedade, doação e compaixão sem restrições?

A atitude patética vinda de integrantes do esporte, entre eles um jogador conhecido mundialmente, e que independente de qualquer crença, deveriam dar o exemplo já que inspiram gerações do futuro, certamente pegou muito mal.

E quando eu digo que religião e hipocrisia andam de mãos dadas, sou rechaçada.
Não existe religião perfeita. Todas tem suas falhas porém devem ter lá os seus méritos aos olhos de quem as frequentam. Segue quem quer.
Eu apenas me reservo no direito de deixar claro que a minha concepção de religião não é aquela praticada entre grandes templos e altares. Religião pra mim é ter o coração limpo, cheio de bem e amor incondicional, sem lugar para distinções. Poucos, humanos que eram e por isso dotados de fraquezas, conseguiram ser a religião em pessoa como Betinho, Madre Teresa, Irmã Dulce Chico Xavier … Quisera que todos nós fôssemos um centésimo do que eles e tantos outros foram.

Não é uma competição religiosa brigando pelo melhor caminho de se chegar a Deus que irá salvar a humanidade, mas sim a atitude daquele que faz a diferença.

Por fim, parabéns ao restante dos jogadores do Santos, Felipe, Wladimir, Edu Dracena, Zé Eduardo, Arouca, Pará, Gil, Maikon Leite, Breitner, Zezinho e Wesley que se permitiram praticar o verdeiro espírito da Páscoa concretizando a visita, salvando assim o clube da mácula provocada por uma minoria. O vídeo acima mostra a visita.

Quero encerrar com uma frase sábia, bem lembrada no ótimo texto do Vitor Birner sobre o assunto, e que foi dita por um ícone espírita que só transbordou bondade, doação e amor em toda a sua existência.

“Um homem era tão pobre, mas tão pobre, que só tinha dinheiro…”
Chico Xavier









Confira outras postagens no blog!

2leep.com


Os comentários são via Facebook, portanto precisa estar "logado" para comentar. Vale lembrar que o teor dos mesmos são de inteira responsabilidade do comentarista.

Comente!! Assim saberei o que você pensa! ;)




  1. Adelson
    13, abril, 2010 em 06:02 | #1

    Ester, cada vez que leio um post seu me surpreendo com a sua maneira de escrever. Meus parabéns pelo blog, sou seu fã de carteirinha.

    Quanto ao post, nao tenho nada a dizer, vc já disse tudo.

    Um grande abraço.

  2. 7, abril, 2010 em 12:21 | #2

    Oi Esther,

    O tema é complicado. Religião é algo que vai além do bom senso. Por convicções religiosas as pessoas fazem coisas absurdas. Não condeno e nem defendo a atitude de tais jogadores. Só acho que não temos o direito de julgar ninguém por atitudes religiosas. A forma que analisamos sempre dependerá do paradigma que temos em mente.E, infelizmente, para algumas linhas evangélicas, ir em uma instituição espírita é o mesmo que visitar o demônio. Entendo que devemos apenas respeitar as ações de cada um, ainda mais sendo eles "meninos".

    Abraço

    Jônatas R. Silva
    http://www.efetividade.blog.br

  3. 6, abril, 2010 em 20:31 | #3

    Os religiosos continuam os mesmos. vivem tão assustados e neuróticos com a segregação e as regrinhas de comportamento que esquecem que o comportamento de Jesus foi totalmente diferente deles. Só para lembrar aos que lêem a Bíblia, e o Samaritano? Era um homem tão repugnante e foi ele de quem Jesus lembrou. E os sepulcros caiados, bonitos por fora e podres por dentro? E quanto ao "Nem todo o que me diz senhor, Senhor, entrará no reino dos céus – Dirão, expulsei demônios, falei linguas estranhas e ficarão a ver navios.

    Peço que leiam novamente 1 Corintios 13 " …Ainda que eu entregasse meu corpo para ser queimado, e não tiver amor, nada disso me aproveita."

    Não culpem a Bíblia ou a mensagem de Jesus. Eles não tem nada a ver com a hipocrisia religiosa. Basta ler direitinho e veremos que até o que se pratica dentro dos templos é contrário ao que está escrito. Padres ricos e pedófios e pastores endinheirados e infiéis às esposas. Foi contra essa "raça de viboras" (palavras de Jesus e não minha)que Jesus lutou todo o seu ministério.

    Bom, Ester, vi este bafafá na tv e li teu post no twitter e vim aqui dar uma mãozinha. Esta semana publiquei uma postagem sobre a Última Ceia na visão dos grandes pintores e falei um pouco sobre algumas aberrações religiosas.

    http://olavosaldanha.wordpress.com/a-santa-ceia/

    Não se intimidem não, leitores, leiam, SABER É BOM DEMAIS, vivam a fé de vocês e procurem conhecer jesus que é bem diferente do que mostram por aí. Costumo dizer que Jesus sim é humano e os homens são criaturas surreais.

    Bye

    • 6, abril, 2010 em 21:04 | #4

      Bem-vindo de volta à blogagem Olavo e obrigada por suas observações brilhantes, tanto no comentário como em seu texto sobre a Santa Ceia. ;)

  4. 6, abril, 2010 em 09:20 | #5

    Eh,eh,eh… lembrei de uma… Minha velha mãe, analfabeta, quando travava uma conversa com um crente fanático, desses, que procura ver se não tem diabo sob sua cama antes de dormir, chamava-os de "abecedados".Ela queria dizer obsecados.

    E essa Ester (agora certo, sem h) é uma postagem para manifestação de abecedados de toda ordem.

    Quem falhou, foi o clube, por uma ação de marketing mal planejada,oras.

    Imagine só, os jogadores chegando pela manhã para o trabalho e logo os colocam no ônibus oficial com o bagageiro entupido de ovos de Páscoa e alguém avisa:

    "Pessoal, nós vamos até uma instituição levar uns ovos para as crianças ok? A imprensa vai estar por lá".

    E imagine o zumzumzum dentro do ônibus no caminho, até que se chegue a informação aos jogadores que iriam a uma instituição espírita que cuida de crianças todas estropiadas?

    Ora, a informação que o consciente coletivo tem dessas crianças, são as reportagens do Fantástico que mostram sua carência, penúria e miséria circundante.

    Ainda mais num local espírita?

    Será que teriam que tomar passes, em frente a uma multidão de fotógrafos?, alguns devem ter pensado.

    E não sei que canalhice foi essa do clube sair totalmente isento do episódio, como se não tivessem nada com isso.

    Fizeram a cada moleque entender que seria melhor eles assumirem o erro.

    A imprensa também, como melhor lhe aprouve, também nem citou o Santos F.C. como parte do imbróglio, que por imperícia de seu departamento de marketing, propiciou isso tudo.

    Que saco.

  5. Aquele que vos fala
    6, abril, 2010 em 08:14 | #6

    "Entrai pela porta estreita, porque larga é a porta, e espaçoso, o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; e porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem"

    Meus queridos, independente das palavras filosóficas ou sentimentalistas acima, a grande verdade é: todos passarão pelo tribunal de Deus e serão julgados. Inferno ou Céu eterno os aguarda.

    "Eu sou a porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens".

  6. 5, abril, 2010 em 22:05 | #7

    A pergunta é, a Bíblia foi escrita por Deus ou por homens?

    E para complementar a pergunta, usando um comentario de nosso colega ali em cima, a Geração Globo começou agora, ou começou quando em tempos antigos? (De preferencia na época em que a Bíblia foi escrita)

    • Aquele que vos fala
      6, abril, 2010 em 08:29 | #8

      1) Homens inspirados por Deus. A fé é algo maravilhoso e é um dom dado apenas para aqueles que acreditam. Bendito é o nome de Deus!

      2) A Globo começou na ditadura através da Time Life, época em que os Iluminati (não vou entrar em detalhes porque seria demais para sua cabecinha) investiram sua estratégia secular para inserir a Nova Ordem Mundial na América Latina. Cito a Globo porque ela simplesmente apodreceu a mente desta geração (estamos no tempo atual e não a 2 mil anos atrás), não é a única, mas é a mãe de todas as emissoras. Só para citar um exemplo: Big Brother Brasil é apenas uma estratégia global para condicionar sublinarmente os cordeirinhos (o povo) a aceitar que, em breve, todos estaremos sendo monitorados. A tecnologia é uma maravilha, só que, em breve, será utilizada para o verdadeiro BBB. Aguardem! Busquem Jesus enquanto a tempo. Tudo que estou falando é bíblico… não sou louco meus queridos, pelo contrário sou muito próspero e acadêmico, com uma família abençoadíssima. Sei o que estou falando. O cerco vai apertar. 11/set? Terroristas? Bin Laden? Nada disso, é apenas uma trama americana para que o governo consiga mais controle sobre a população. Tudo bíblico meus amigos.

      Se discutir ovos de páscoa com vcs é demais… não tenho nem como discutir sobre os assuntos acima e o que realmente está por vir, infelizmente. Busque enquanto HÁ TEMPO de achá-lo.

      • 6, abril, 2010 em 08:37 | #9

        Cara, vc realmente leu e acredita no que escreveu aqui? Então acho que é vc que precisa de "salvação".

        • 6, abril, 2010 em 11:44 | #10

          Tristes são aqueles que acham que a manipulação populacional só começou agora.

          Acho engraçado como o nivel de "certesimo" (caso nao tenham entendido, vem de certeza) dessas pessoas é alto. Eles tem certeza de que estão fazendo o certo. Por que? porque alguem disse pra eles que isso é o certo. Quem está sendo manipulado agora?

          Antes que comecem a falar da Globo denovo, eu não assisto Globo, não me importo com o que passa nesta estação, sempre procuro minhas informações de fontes mais confiáveis.

  7. 5, abril, 2010 em 21:37 | #11

    Ester, excelente post. Sensatamente é impossível conceber que um direcionamento religioso pode ser maior do que a fraternidade entre irmãos(humanos) e é lamentável observar que algumas criações humanas pregam a (in)diferença e salvação egoísta em nome de meia dúzia de falácias.

    Abçs.

  8. Robott
    5, abril, 2010 em 20:13 | #13

    A religião é um fundamento interessante na sua vida desde que ela não cegue a sua razão.

    Se em alguma situação eu necessitar ir contra alguma religião para fazer algo construtivo ou altruista. Não vou nem pensar duas vezes.

  9. Jeorane
    5, abril, 2010 em 19:45 | #14

    Ester você disse:

    E quando eu digo que religião e hipocrisia andam de mãos dadas, sou rechaçada.

    Minha resposta:

    Eu não sou evangélico nem estou aqui defendendo-os. Mas novamente você escreve sem conhecimento do assunto. Acontece que livro sagrado dos evangélicos (a Bíblia) condena explicitamente e fortemente o espiritismo, inclusive a palavra "médium" é citada na Bíblia num contexto fortemente negativo.

    Se os jogadores ignorassem o que a Bíblia diz aí sim eles seriam hipócritas, pois estariam ensinando uma coisa e fazendo outra, apenas para não serem condenados pela mídia.

    Melhor pesquisar mais antes de escrever.

    • 5, abril, 2010 em 20:33 | #15

      Caro Jeorane!

      Novamente nos vemos num impasse. Vc tem sua concepção e eu tenho a minha, mas vamos lá.

      É justamente pelo que vc afirmou que eu aproveito e acredito muito pouco do que está na Bíblia. O que guardo comigo é apenas o que Jesus ensinou, tendo Ele sido um mito ou real. Seus ensinamentos são sim livres de marras, diferenças e repletos de amor incondicional. E por uma ironia e sem querer generalizar, uma das poucas religiões que praticam esses ensinamentos é o espiritismo. Vide a bela história e exemplo do lar assistencial em questão. Como aquilo não pode ser de Deus?

  10. Aquele que vos fala
    5, abril, 2010 em 18:45 | #16

    Até hoje assinava seu blog e estou deletando-o apartir de agora…

    1) a fé é dos jogadores e eles fazem o que bem entender, engraçado que vc não citou as caridades que eles fazem quando ninguém está vendo para diversas instituições de caridade com quantias enormes de dinheiro e não a porcaria do chocolate cheia de caloria hidrogenada.

    2) a "sua" religião e o "seu" estado de espírito é a perfeita então… que comédia… como diz a Bíblia existe um caminho que para o homem é o correto, mas o fim dele conduz à morte. Minha filha, se Jesus não for seu caminho, aliás, o único, seu destino será o inferno sim, goste ou não.

    3) Betinho, C. Xavier, Madre tereza ou o zé bunitinho não é religião e frequentavam uma seita relacionada com o ocultimo e outra com a idolatria, duas coisas consideradas por Deus abominação. Boas obras, não salvam ninguém. Se eles não se converteram à Cristo no último suspiro… o inferno os aguarda, porque dar de beber ou comer ou "receber" mensagens de demônios disfarçados de entes queridos só para acalmar o coração é mentira e o pai da mentira é o Diabo. No mais, ninguém vai ao Pai, senão por Cristo Jesus, somente o sangue dele nos purifica e salva. Roubar esta honra de Jesus delegando a "santos" denominados por homens idolatras é um erro horrível.

    4) Para encerrar, ovo de páscoa é assunto pagão de séculos atrás, coelhinho é considerado algo maldito na Bíblia, alusão a estes dois ícones desta páscoa é algo que Deus repuna. Saiba que a verdadeira PÁSCOA, é passagem, libertação, escape e, biblicamente, ocorreu em julho. Sendo assim, sim, estes homens fizeram o correto em não pactuar com a mentira. Aliás a geração-Globo (e vc deve ser uma) está acostumada com tanta mentira, que já é normal isso né?

    5) Deus tenha misericórdia da tua vida. Arrependa-se e busque Jesus enquanto a tempo de achar.

  11. marcos
    5, abril, 2010 em 18:29 | #19

    Falou tudo Ester,

    Há de chegar o dia em que as Biblias serão substituidas pela trilogia o Senhor dos Anéis!

    O que Gandalf faria nessa situação se perguntarão as pessoas frente a dilemas.

    Bjus!

  12. 5, abril, 2010 em 13:15 | #20

    Primeiramente parabéns a alguns atletas ai por fazer a alegria de muitos.

    Agora parabéns para você Ester Beatriz, pelo exelente blog.

    Muito bom msm. Sucesso e tudo de bom.

    visite: http://divulgadoresdoconhecimento.blogspot.com/

  13. 5, abril, 2010 em 12:44 | #21

    Não há muito o que dizer, você já falou tudo.

    Que mais poderíamos esperar? Afinal, prega-se nas igrejas que o espiritismo (às vezes confundido com os diferentes ramos das religiões afro) invoca o diabo. Isso no meio de um discurso de boa-vontade e amor ao próximo…

    A verdade é que quem pensa muito não vai a igreja nenhuma.

  14. 5, abril, 2010 em 09:33 | #22

    Esther!

    O clube errou com essa ação mediática chulé. Eles fazem isso sem consultar os jogadores, sem perguntar sobre religiões ou, pior, sem perguntar quem tinha sensibilidade para a ação.

    Estamos falando de meninos com idade média de 20 anos, quase todos sem estrutura psicológica para encarar um ambiente assim.

    Segundo li por ai, o Marcos, o goleiro do Palmeiras, reconhecido como um homem exemplar, ficou deprimido depois que participou de uma dessas, após a morte de um menino que segurou no colo e brincou num hospital para doentes terminais do câncer.

    O Marcos ficou "estragado" por mais de um mês com isso.

    Os jogadores de futebol têm sim, uma cultura de colaborar com instituições e muitos o fazem. Mas no anonimato.

    Do jeito que a alguns programas esportivos da televisão colocou, dá a impressão de arrogância dos atletas.

    Certo por linhas tortas, com a polêmica a instituição findou por ganhar até mais visibilidade.

    Abs!

    • Valter Henrique
      6, abril, 2010 em 08:05 | #23

      "Estamos falando de meninos com idade média de 20 anos, quase todos sem estrutura psicológica para encarar um ambiente assim."

      É mesmo de fato, não tinham estrutura psicológica, né?…

      Mas ganhar o monte de dinheiro que eles ganham eles tem, né companheiro?

      ..lamentável!

  15. 5, abril, 2010 em 09:30 | #25

    Onde assino?

  16. 5, abril, 2010 em 06:41 | #26

    clap clap clap.

Fechado para comentários.