Parto normal – eu incentivo!

21.05.08 - 8:28 PM Ester Castro






Ontem vendo TV, eis que passa o vídeo da lindinha da Fernanda Lima numa campanha de incentivo ao parto normal. Me amarrei. Achei lindo e necessário. Dar a luz à gêmeos por meios naturais é uma vitória e isso a faz ser ainda mais admirada.

Me identifiquei de cara com o depoimento dela, mesmo porque também posso falar com propriedade sobre o assunto. Tive 3 filhos, todos por parto normal.
Enquanto boa parte das mulheres sentem medo do método natural, eu morria de medo de ter que fazer cesária. Já perdi a conta do quanto ouvi mães dizerem que vão optar pela intervenção cirúrgica, mesmo preenchendo todos os quesitos para que haja normal, simplesmente por puro medo da dor. Isso precisa mudar. Covardia não!

O momento é traumático? Sim, claro, não vou negar. Mas não é nenhum bicho de sete cabeças. Há truques para contornar isso e tirar de letra.
Quando se é mãe de primeira viagem, é natural ficar assustada e com medo. Em minha primeira experiência, quase esmaguei a mão da minha sogra a cada contração. Felizmente foram apenas 3 horas e meia de trabalho de parto. E olha que esse foi o meu tempo mais longo! :D

O segundo parto durou apenas duas horas, desde o instante que disse ao maridão “benhê, estou sentindo…tá na hora“. Eu já sabia o que estava por vir então estava bem melhor preparada. Soube que a respiração é um importante aliado no controle da dor. Ao sentir a contração vindo eu fazia a respiração cachorrinho – aquela dos soprinhos sucessivos e acelerados. Mal podia acreditar o quanto isso aliviava o incômodo da contração, que na verdade é a pior parte do parto, e não a passagem do bebê como muitas temem.
Algumas mães reivindicam o uso da anestesia pra driblar as contrações. É uma opção, mas não acho legal. Quando sentimos a contração vindo temos a certeza de que é o momento de fazer força. Estar anestesiada atrapalha um pouco esse processo, mesmo que o obstetra tome as rédias da situação e lhe oriente. Não aconselho. Parto normal é parto natural. Não é momento pra frescuras.

Já no meu terceiro filho tive que fazer certos malabarismos.
Como minha bolsa não estourou sozinha (em nenhum dos partos) tive que me fiar novamente no lance das vontades de ir ao banheiro. Vontade de fazer o nº 1, mas nada. Vontade louca de fazer o nº 2, mas também nada! Só então depois de várias idas frustradas ao banheiro, cai a ficha “poutz, é o nº 3 !!! “. Chamei meu marido, ele examinou… já estava com quase 4 cm de dilatação.
Legal. Eu morava à uns 70km da maternidade, em uma micro city (o que eu fazia lá já é outra história). Agora imagina aquelas cenas bem loucas de corridas para a maternidade. Pois é.
Meia-noite, estávamos a toda velocidade na rodovia BR 050. Não é coisa pra se orgulhar, mas whatever. As contrações estavam cada vez mais próximas, cerca de 2 minutos uma da outra… Eu, fazendo a tal respiração, segurando na “Nossa Senhora” – aquela alça que tem no teto acima da porta do carro – e tentando atender a ordem do marido pra NÃO fazer força! Chegamos ao hospital no gás. E foi no gás que já fui colocada na maca e direto pra sala de parto. Eu já estava subindo pelas paredes de vontade de fazer força, mas nem o obstetra e nem o pediatra estavam lá ainda.

Pausa para uma explanação. Quando sentimos contrações, é normal você se irritar até com o carinhoso “vai dar tudo certo” do marido. A vontade de mandar todo mundo tomar um refresco é normal. A coisa tende a piorar quando as contrações estão no ápice, você ainda não pode fazer força e tem uma enfermeira do teu lado perguntando seus dados para o preenchimento de uma ficha. Aí só sendo santa!

Mas voltando ao curso da história, numa questão de minuto, os médicos finalmente chegaram e pude então finalizar meu parto num sonoro “doutor, seguuura que aí vai o muleque!!” Aí veio aquela coisinha feia mais linda do mundo que parou de chorar ao ouvir minha voz. Isso não tem preço…
E bati meu próprio recorde: 1 hora!! Imagina se eu tivesse um quarto filho? Se seguisse essa ordem, ia ser tipo assim “benhê, tá na h….nasceu!:D

O corpo humano é tão sábio, que permite as dores do parto até no momento do nascimento. Depois disso a mãe está inteira e revigorada pra cuidar do filhote. Na cesariana é o contrário. As dores vem depois do parto e a mãe tem bem menos disposição e condições pra curtir seu bebê nos primeiros dias.
Além disso, quem opta pelo parto normal corre menos risco de infecções e o corpo volta ao normal bem mais rápido, principalmente a barriga, pois como o útero não sofreu incisão, o retorno ao tamanho original é mais acelerado.
Claro que o mérito de uma cesária necessária nem deve ser discutido e nenhuma mulher será menos mãe por isso, mas se você planeja ser mãe e nada te impedir de dar à luz por vias normais, faça! Apenas se informe, leia ou ouça depoimentos tanto de mães como de médicos sobre os prós e contras de ambos os casos.
Quanto a mim, se me pedir conselhos sobre parto normal, incentivarei sempre!









Confira outras postagens no blog!

2leep.com


Os comentários são via Facebook, portanto precisa estar "logado" para comentar. Vale lembrar que o teor dos mesmos são de inteira responsabilidade do comentarista.

Comente!! Assim saberei o que você pensa! ;)




  1. 29, maio, 2012 em 22:28 | #1

    Moro em Londres e aqui a primeira opção êh parto normal, as gestantes não podem escolher, cesariana só se tiver problemas. Me desculpem as medrosas mas eu apoio totalmente, temos que ver oq êh melhor para o bebe. Tive 2 partos naturais sem nada o dor, o primeiro tradicional na cama e o segundo na agua, estou gravida de 7 meses da terceira menina e sem divida será na agua. Dói muuuito mas o amor êh maior e me sinto uma super mulher a cada parto

  2. Jéssica
    2, maio, 2012 em 01:12 | #2

    Ameei o seu depô sobre o seu parto , me deixou mas tranquila é o meu primeiro e estou com medo …

  3. 13, dezembro, 2011 em 08:43 | #3

    gostaria de saber qual seria o melhor parto ? Qual o bebe tem menos risco de ter alguma complicaçao .

  4. Joao
    25, setembro, 2011 em 22:44 | #4

    Bom meninas tudo que é natural é melhor com certeza… porém sou homem, casado pai de 3 filhos e afirmo que a vagina da mulher fica diferente de antes sim, mas um homem culto e sensível jamais vai dizer isso a mulher, até porque não interfere no prazer… Admiro as mulheres que optam por parto normal, mas fica claro que está historia de ficar mais apertada não é bem assim. Inclusive já troquei ideia com amigos próximos e eles concordaram comigo, se uma homem já ficou com a mulher antes do parto ele nota diferença sim e isso não é pra complexar ninguém, mas a verdade tem de ser dita ok.
    Um grande abraço a todas as mamães.

  5. 29, junho, 2011 em 10:35 | #5

    vao td morre de dor caga nas calças dexa chega a hora..

  6. Vanessa
    28, fevereiro, 2011 em 07:54 | #6

    Ola a todas as mamaes de primeira viagem eu tenho uma filha e fiz um parto normal porque tenho quelóide e tinha medo de má cicratrizaçao no corte, eu nao recomendo pn fiquei 12 horas em trabalho de parto sofrendo igual uma condenada e agora estou mais larga alias se alguma mamae q ja tenha feito um parto normal e saiba de alguma tecnica para poder ficar mais apertada sem ser a cirurgia de reconstruçao me avise bjinhos

    obs: p quem tem condiçao de fazer uma cesária faça o parto normal é um sofrimento desnecessario.

  7. evelin
    26, fevereiro, 2011 em 08:07 | #7

    nossa depois dessa narrativa toda estou me sentindo mas segura rsrsrs estou com 37 semanas e esperando a minha hora ….. vou tentar parto normal tmb , valeu………

  8. flavia
    25, fevereiro, 2011 em 12:26 | #8

    eu incentivo sim mas nao kero entrar pra lista sem duvida e um momento lindo mas nao adianta a coragem nao vem parabens a todas as maes

  9. ingriti
    19, janeiro, 2011 em 17:50 | #9

    eu tive parto normal e foi super tranquilo, é claro que as contrações dueram um pouco porém quando eu fiz a primeira força minha menininha ja nasceu, isso porque eu so tinha 15 aninhos

  10. Gislaine
    17, janeiro, 2011 em 07:37 | #10

    Nossa meus parabens, eu estou na minha terceira gestação tambem e os dois primeiros tambem foram normais, e esse eu tambem quero normal, estou de 32 semanas e ja estou tendo contrações, estou super ansiosa pra ver o rostinho do meu Juninho….bjos

  11. Gabriela
    14, janeiro, 2011 em 08:19 | #11

    tenho 32 anos, sou casada e estou pensando em ter meu 1º filho , depos do que li , tenho certeza que vou optarpor um parto normal! Muito Obrigada pela alegria de compartilhar esse momento tão especial , de ser mulher ! Parabens , embora já tenha lido variosss depoimentos que depois de um parto normal a mulher fica "larga", o que importa é ser mãe …e ser mulher ! Parabéns .

  12. Keilla P. Alves
    24, novembro, 2010 em 13:06 | #12

    nossa e eu que achei que meu primeiro parto foi rapido!!! apenas 4 horas

    tomara que nesse segundo seja assim de apenas 2 horas igual a vc rsrsrs

    to anciosa e com medo…….

    mas se Deus quiser vai dar tudo certo…..

    Parabéns pelos filhotes!!!

    tudo de bommm pra vc

  13. 10, novembro, 2010 em 16:52 | #13

    Nhaii essa sua história me incorajou mais ainda tenho 19 anos estou gravida de 38 semanas….too quase láá eu pensei a gravidez inteira no parto normal….maas com akele meddoo nééh rsrsrs!!!nossa esse seu texto me deixou bem calma vou xegar la nakela santa casa com cara e coragem agora …beijo Ester

  14. Aninhahh
    30, agosto, 2010 em 15:40 | #14

    Olha…Amei o seu post… Eu estou tentando fazer um trabalho a respeito das modalidades de parto, por que as mulheres escolhem na maioria das vezes a cesária, então….Seu post me ajudou bastante… Ah ! Será que se eu precisar, eu posso de perturbar um pouco pra colher algumas informações?

  15. 24, agosto, 2010 em 11:24 | #16

    gostei da matéria……estou no sétimo mês e estou mto ansiosa……

    confesso q tenho medo,é a primeira filha, mas quero parto normal tmb.

    pois doer vai doer mesmo,mais só de pensar em ver o rostinho do seu

    filho pela primeira vez nao tem preso algum!**

  16. 19, agosto, 2010 em 01:47 | #17

    Gostei muito do seu texto Eter, bem esclarecedor.

    Pena ver que ainda existe muito preconceito (que é sinonimo de desinformação) com realação ao parto domiciliar.

    Se você procurar direitinho vai ver que os riscos de um parto domiciliar para uma gestante de baixo risco são muito menores do que um parto hospitalar.

    Aqui nesse link tem um texto muito bom, se te interessar:
    http://buenaleche-buenaleche.blogspot.com/2010/02

    um abraço

  17. Caroline
    9, agosto, 2010 em 09:33 | #18

    Olha!! Parabéns pelo incentivo….

    estou grávida de 29 semanas e desde o início optei pelo parto normal.. muitos tentam me convencer de que a cesária é melhor pois nao sentimos dores… mas que nada…. eu quero normal pq sei que é o melhor pra mim e para meu filho!!! peço a Deus que dê td certo e que ele venha da maneira natural como se deve ser… acredito que vc colocar seu filho no mundo é o ápse da maternidade… ao invés de permitir que apenas por uma cirurgia outros retirem de dentro de vc seu filho… a dor passa… e o que importa é ter meu filho nos braços e poder estar livre pra cuidar dele em seguida….

  18. tpm
    30, julho, 2010 em 11:28 | #19

    Dr. Pedro Immig diz que parto normal é parto sem risco para mãe e para criança.

  19. DANIELA
    9, julho, 2010 em 13:52 | #20

    OLÁ ESTER !!!

    GOSTARIA DE UMA OPNIÃO SUA

    TENHO 33 ANOS ,SAÚDE PERFEITA E ESTAMOS PLANEJANDO UM BABY

    GOSTARIA MUITO DE TER MEU FILHO EM CASA COM PARTEIRA,SEM ANESTESIA…VOCÊ ACHA MUITO ARRISCADO ? É MEU PRIMEIRO FILHO

    ADOREI SEU DEPOIMENTO

    UM GRANDE BEIJO

    DANIELA

    • 10, julho, 2010 em 20:11 | #21

      Oi Daniela!!!

      Olha, sou defensora do parto normal sim, mas é totalmente desaconselhável com os recursos que se tem hoje, fazer o parto como sugere.

      O PN precisa ser assistido (genicologista e pediatra) e de preferência em um centro cirúrgico. Se houver complicações, já está tudo na mão.

      Enfim, é o que te aconselho, mas sugiro que converse com seu médico sobre isso. :)

      • suely oliveira
        18, novembro, 2010 em 08:09 | #22

        oi esther gostei dos seuconselhos olha ja tive meu primeiro filho de parto normal foi bom durou 8 horas de relogio sos enti as contraçes foi umaesperiencia boa nao mi arrependo serar q o segundo serr mais facil ja q o primeiro foi bom to gravida de 4 meses nemsabia engravidei amamentando meu bb tem 9 mesesd ah queria saber se depois de dois filhos a vagina volta normal digo apertadinha e se as emfermeira vao fazer o corte no perine novamente bjos obg

        • 18, novembro, 2010 em 09:13 | #23

          Suely, em todo parto normal é comum fazer o corte no períneo, conhecido como episiotomia. Já o fazem por prevenção.

          Quanto a elasticidade vaginal, não se preocupe, ela não ficará flácida por ter feito parto normal várias vezes. Ela é naturalmente elástica e volta a normal após o parto.

          A flacidez vaginal só ocorre na terceira idade, uma vez que o processo natural da velhice, os músculos perdem tonicidade.

        • suely Oliveira
          18, novembro, 2010 em 10:46 | #24

          ah obg porresponder olha esqueci de perguntar to gravida d emenina queria saber como fazer a higiene dela se souso contonete umido pra linpar a vaginaou tem q usar alguma coisa meninos saomais faceis

  20. SIMONE COSTA
    26, junho, 2010 em 18:56 | #25

    Tive minhas duas filhas de parto normal, a primeira fiquei em trabalho de parto por 12 horas, a segunda por 5 horas, foram partos sem nenhuma complicaçoes, nasceram saudaveis, grandes e muito famintas….hoje estao com 10 anos ea outra com 3…é tudo de bom na minha vida, na nossa casa, no nosso casamento….é presente de Deus e nascidas de maneira natural….

  21. Leilane
    10, junho, 2010 em 16:22 | #26

    Estou com muito medo de ter parto normal,estou de 5 meses

    axeei o texto muito legal …E que Deus possa abençoar meu parto normal, pois quero parto norma… Beijos

  22. Liliane Silva
    2, junho, 2010 em 06:16 | #27

    Ester, me dê uma orientação. Planejo ter meu bebê ano que vem e gostaria muito de fazer um parto normal. Não tenho medo da dor do parto… Acho que nessas horas a gente tem que ser cabra-macho! Mas morro de medo de não poder voltar à minha vida sexual de antes do parto, seja por flacidez, seja porque o corte (se necessário) não cicatrize direito e fique doendo. Já pensou deixar meu marido na seca? O que você acha?

    • 2, junho, 2010 em 07:10 | #28

      Oi Liliane, seja bem-vinda!!

      Então, como o meu marido é médico, ele foi o primeiro a me incentivar e me tranquilizar nesse sentido.

      Ao contrário do que muitos pensam, o parto normal não deforma a vagina porque a sua estrutura é naturalmente elástica e retorna ao normal após o parto. É claro que é necessário resguardar os primeiros dias pós parto por motivos óbvios e até que haja a cicatrização completa da episiotomia.

      Vale lembrar que cada caso é um caso, e cada mulher tem seu tempo de recuperação. Comigo foi tudo bem e rápido.

      De qualquer forma, até se recuperar, você pode deixar o maridão "feliz" de outras formas… :D

      • marina
        28, abril, 2011 em 11:38 | #29

        Ah, seu marido é médico? Então taí a razão de tanta defesa do parto normal…rsrsrs Se ele não teu marido pode ter certeza que não seria tão feliz…

  23. Nana
    30, maio, 2010 em 10:57 | #30

    Bem, eu fiz toda assepsia e higiene recomendados, incluindo a medicação. O problema dos meus pontos do corte feito na hora do parto, foi que os pontos que devem cair sozinhos, caíram muito rápido, pq meu metabolismo é acelerado… não teve NADA a ver com falta de higiene e cuidado. Você está sugerindo que eu não me limpava direito, por acaso? Eles começaram a cair já DOIS dias depois do parto.

    E francamente eu não entendo como CORTAR a vagina da mulher pode ser PRESERVAR alguma coisa. O útero pode realmente voltar ao normal mais rápido com o parto normal, eu só me pergunto – A QUE PREÇO? Vale a pena arriscar ter sua bexiga deslocada, como eu tive?

    • 30, maio, 2010 em 12:28 | #31

      Eu não disse que em seu caso foi falta de assepsia. Estava fazendo uma referência geral.

      Você não foi feliz com parto normal, sua bexiga desceu, enfim, como eu disse cada caso é um caso. Comigo não foi assim.

      Do mesmo modo que algumas mulheres foram infelizes com a cesariana, outras foram infelizes com o normal. Acontece.

      Se eu defendo o parto normal é porque fui feliz com ele. Do contrário meu texto seria outro.

  24. Nana
    30, maio, 2010 em 07:56 | #32

    Bom

    Eu tive um parto normal e pra mm foi o pior pesadelo da minha vida.

    Parto normal é essa maravilha toda só nas campanhas… uma enfermeira de quase cem quilos empurrando sua barriga, montando em vc… pra 'ajudar' o bebe a nascer? E olhe que naceu com 3260 kg, não era nenhum 'monstro' de cinco quilos.

    Resultado? Grande coisa evitar uma cirurgia na hora do parto… se me rasgaram toda, os pontos não cicatrizaram, fiquei toda torta, larga e agora tenho que fazer uma cirurgia pra colocar a bexiga no lugar, pq ela fica na entrada da vagina hj… devido ao parto normal, 'saudável' que eu tive, por acreditar em todas essas historinhas aí.

    Que adianta evitar cirurgia no parto se tem que fazer depois que vc tá toda estragada?

    (espero que publique mesmo que meu comentário seja de esquerda)

    • 30, maio, 2010 em 08:58 | #33

      Nana, cada um tem sua própria experiência e visão sobre o assunto.

      Eu não fiquei "estragada" mesmo depois de três partos normais. E normalmente os médicos já fazem aquele pequeno corte para evitar que rasgue. Aqueles pontinhos dados ali realmente são incômodos mas são providenciais. Com boa assepsia e medicamentos a cicatrização é super rápida. Hoje nem se nota a cicatriz.

      Ainda defendo que corpo e útero voltam ao normal absurdamente mais rápido com o parto normal. ;)

    • isabela
      29, abril, 2011 em 00:17 | #34

      Concordo plenamente com você

  25. Gesika
    22, maio, 2010 em 08:31 | #35

    Adorei seu texto Ester, sou aluna de técnico em enfermagem e estou em estágio na maternidade da minha região, na unidade de parto humanizado. Realmente dá pra se ter um parto normal, as vantagens são várias. Enquanto a Cesárea a mãe fica fragilizada por um tempo e acaba afetando seu contato com o bebê. Não sou mãe, mas quando engravidar pretendo ter o meu bebê com parto normal, é um momento lindo… hoje há muitas formas de amenizar a dor das contrações. Uma massagem entre as sobrandcelhas ajuda a mãe se acalmar, e na região lombar (nas costas), alívia a dor da contração. Para as mulheres que ainda não sabem, todas tem o direito de ter um acompanhante consigo. Ah, a amamentação não é só bom para o bebê, mas também para a mamãe. Pois quando o bebê está amamentando o útero se contrai evitando hemorragia.

  26. carmem
    12, maio, 2010 em 03:52 | #36

    eu tive a felidade de dar a luz no parto normal.

    o de mae é täo grande, que aos 11 mes estava ainda amamentando e quis ficar gravida outra.

    estou com 6 meses gravida e digo hoje quero ter um parto mornal sem anestisia, pois a cada comtracäo que vem é sentir a filidade que está chegando a crianca no meu meus peito pra min foi o meu maeor prazer da minha vida.

    olha eu tive outra felicidade de ter meu marido do lado fazendo massgem e colocando uma bolsa de agua norma nas costa, e ouvir ele falando pra enfermeira na proxima contracao nasce, e enf. respondeu näo umas mais, que nada ele estava certo na proxima contracäo nasceu e ele ficou supresa, olha quem está aqui ha quando vir meu filho abrindos olhos pra min eu sentei na casa e agarei ele e troxe pra meu bracos e gritwei aiiiiiiiiiii e enf vc pegou ele e cordäo ainda esta lasado ´té no pescoso e a dor foi tb por que saiu emsegida a placenta rs.

    ele mamou e foi pra pra becinho do meu lado e tomei cafè e fui tomar só, e depois näo näo dor e nen sono.

    digo a todas as mulheres que ser maë näo igual ser no parto normal

    Carme,

  27. Elâine
    16, abril, 2010 em 12:18 | #37

    Parabéns gostei ,da historia por isso sempre quis ter minha filha normal e agora e que quero mesmo ,só me unsmas instrusoes do que fazer para ser um parto bom ou mais ou menos .Obrigada

  28. Roberta
    15, abril, 2010 em 12:57 | #38

    E vim aqui para mostrar um pouco da experiência que tive com o meu parto normal acompanhado com a fisioterapeuta.

    Eu achei td um máximo, a fisioterapeuta foi realmente capacitada para tds os momentos que passei. Ela mandou eu caminhar, me colocou na bola, fez massagem, me colocou em um banquinho, tomei banho de chuveiro, fiz um relaxamento de minha musculatura, fora a conversa que ela teve comigo todo os momentos explicando passo a passo tudo que eu estava passando. Adorei essa área e quero mostrar as todas futuras mamães que esse recursos aliviou a minha dor. Acredita que no outro dia ja ta em pé fazendo td kkkkkkk Pois é tenho q agradecer a tds os fisioterapeutas dessa área OBRIGADA !

  29. daiane
    25, março, 2010 em 22:15 | #39

    que bom que seu parto normal foi assim !!!!os meus tres forao horrivéis agora estou esperando gemeos e nao quero passar pela dor que passei do meu ultimo nene foi horrivel

  30. Lidiane
    11, janeiro, 2010 em 15:45 | #40

    Que maravilha de história, estou grávida de 25 semanas e desde o início falo em ter parto normal, mais depois de ler isso tudo tenho certeza: é isso msm que quero….

  31. Michele
    15, novembro, 2009 em 06:45 | #41

    Estou no setimo mes e desde que descobri que estava esperando um bb quis te-lo de parto normal, estou com muito medo, mas o medo da cesarea e muito maior. Meu marido me da a maior força, e minha mae diz que cesarea e melhor. Nao tive nem coragem de ver os videos dos partos. Mas concerteza o depoimento de mães como voce estão ajudando muito.

  32. 4, agosto, 2009 em 12:22 | #42

    Parto normal. até hj agradeço minha mãe por dar a luz aos seus 5 filhos incrusive eu, em partos normais.

    Ja ajudei em vários partos normais, e não tem segredo, tdo o que está no texto é verídico. A dor que vc pode antecipar é a dor do parto normal, depois e´só observar sangramento e é muito improvável de dar errado. Imagine vcs se o homem não tivesse inventado o parto cesária? qual seri a escolha? a lei do grande criador da humanidade. Deus! se cada um respeitasse esse momento, do nascimento humano, parto normal é muito mais bonito e emocionante. Quem fez esse texto de insentivo esá de parabéns!!!

    • Vanessa
      12, novembro, 2011 em 02:23 | #43

      Não tem nada de bonito ver uma mulher se rasgando e morrendo de dor……
      a buceta fica larga….de qua adianta a recuperação ser rapida? se depois o marido não vai mais ter prazer com ela e ela não vai mais sentir prazer com ele…..parto normal é horrivel…
      nunca vou cometer essa loucura..melhor ficar com barriga do que com a buceta larga…barriga perde fazendo exercicios e dietas….uma cirugia plastica para reparar a vagina que fica larga é carissima…uma mulher pobre jamais vai poder fazer uma e mesmo as que tem convenio não podem fazer por que o convenio não cobre a cirurgia..só pagando a parte e fazendo particular…… estamos no seculo 21 por que passar por esse sofrimento a toa?
      parto normal jamais.

      • 12, novembro, 2011 em 17:48 | #44

        Seu comentário parece ser de um homem machista e ignorante que se
        baseia em crenças folclóricas e não no conhecimento.

  33. Luana maia.
    10, junho, 2009 em 14:41 | #45

    Olha mulheres nunca deixe de fazer um parto normal p fazer cesariana mulher que faz cezariana fica com a barriga horrivel caida flacida tive quatro partos normais minha barriga e linda durinha tudo de bom sem contar que e mais saude p o bebe tdo que dizem e mito nun ca meus namorados reclamarao pelo contrario mi chamao de gostosa coragem mulher pense nisso e o minimo que pode fazer pelo bem estar do seu baby

    • marina
      28, abril, 2011 em 11:34 | #46

      Ta bom. Acredito. Alias você tenta me fazer acreditar.

  34. Noélia
    5, junho, 2009 em 11:33 | #47

    Adorei a história….

    Estou grávida de 4 meses e já me decidi pelo parto normal. Um dos meus motivos é justamente poder estar disposta para cuidar do meu filhote nos primeiros dias… Sem falar que o parto normal assegura maior saúde para o bebe e mamãe. Parabéns pela iniciativa de apoio ao porta normal. Estou contigo!

  35. 24, abril, 2009 em 11:11 | #48

    Olha vc explicou tudo o que realmente acontece mesmo viu rsrsr eu ja sou mãe de um casal e estou indo para o meu terceiro filhote e chega rs os meus dois tbm foram de partos normais,e espero que a Joana tbm seja,pois alem das contraçoes descontroladas rsr néh,a recuperação é maravilhosa e rapida mesmo,bjos.

  36. Ferrati
    9, abril, 2009 em 17:01 | #49

    Mil vezes mais parto normal. Se vcs soubessem o risco de expor o útero, fazer o delivramento manual, virar e revirar pra ver se não ficou mais nada… :sick:

    E se for de cócoras melhor ainda.

    • marina
      28, abril, 2011 em 11:33 | #50

      Que tem uma coisa com a outra? Pelo menos vão deixar limpo. Minha mãe teve 2 filhos de parto normal, e mesmo assim teve complicações no útero.

  37. eunice
    6, abril, 2009 em 11:26 | #51

    parto normal deve ser uma maravilha para quem pode, ao contrario se torna um pesadelo, no passado e ainda hoje muitas mulheres e seus filhos estão morrendo por falta de sencibilidade. outros carregam para sempre concequencias de um parto "normal" .

    eu tive as duas esperiencias o parto normal me deixou 3 meses de cama e o cesarea com 15 dias estava bem.

    tem muita coisa a ser considerada, cada organismo é um organismo e a regra não vale pra todos.

    Eunice

    • marina
      28, abril, 2011 em 11:32 | #52

      Concordo Eunice, ainda mais pra quem tem o SUS como referencia. O médico te deixa lá até quando não tiveres forças mais, E vai atender a quem marcou cesariana. Parto normal só se o hospital for de qualidade, se for porcaria de público é o fim da picada.

  38. LUANNA
    31, janeiro, 2009 em 12:00 | #53

    ESTER, ESTOU GRÁVIDA DE 35 SEMANAS, JÁ ESTÁ CHEGANDO A HORA!!! DESEJO TER PARTO NORMAL, SEMPRE DESEJEI ISSO, APESAR DA DOR QUE A MAIORIA FALA SER INSUPORTÁVEL,MAIS EU CREIO QUE EU SEREI FORTE O SUFICIENTE, AINDA MAIS AGORA DEPOIS DE LER O SEU DEPOIMENTO!! AMEI!!! ME DEU MAIS FORÇA AINDA!!! TORÇA POR MIM!!! BJSSSSSSS LUANNA :joia: :bye:

  39. wesley
    29, novembro, 2008 em 13:15 | #54

    Parabens pela blog, muito bom sempre vou estar acessando. Pessoas integinte merece minha atencao.

  40. camila
    10, setembro, 2008 em 16:48 | #55

    :cool: nossa fiquei inprecionada gostei…

    parabens fica com deus tos ai…

  41. Adriana Barbosa
    30, julho, 2008 em 14:31 | #56

    :joia:Olha estou na trigésima semana e ja estou me preparando , para o meu grande dia e desde o inicio da minha gravidez sempre quiz parto normal!agora lendo a sua historia estou mais ansiosa ainda .A minha mãe teve quatro mormal eo quinto teve que ser cesaria porque ela iria operar ,como ela diz que prefere uma dor de parto do que a dor de dente! Eu sou marinheira de primeira viagem mas agora so peço a Deus que corra tudo bem!!!!!!!!obrigada pelo seu encentivo. :yeah:

  42. zilda maria
    12, junho, 2008 em 13:19 | #57

    eu achei orivel parto normal tem nada de bom si eu pudese pagar eu pagava pra mim e pra todas as mulheres parto cesaria eu tive dois parto normal foi a pior experiencia que tiva na vida :han: :toin: o sus deveria dar opições as mulhres de escolher o tipo de parto que elas querem

    parto normal so e bom em comercial ou nos outros

    • nana
      21, março, 2011 em 10:22 | #58

      Olá, concordo plenamante com vc, meu primeiro filho a quinze anos atrás foi parto normal, na época nao tinha condições financeiras de pagar uma cesariana, e a esperiencia foi tão horrivel que eu prometi a mim mesma que só teria outro filho qdo pudesse fazer uma cesariana…

      Hoje estou gravida e graças a Deus posso ter um parto cesariana, não ha quem consiga me convercer do contrário…

      Além do mais uma observação comentada por uma outra leitora acima diz que nao e veridico que a mulher fica alargada pois saibam que fica sim e pra voltar a normal vc tem de fazer uma cirugia ( perinium ).

      Um abraço!

  43. 3, junho, 2008 em 22:05 | #59

    Um senhor incentivo

    sou defensor do parto normal

  44. 25, maio, 2008 em 23:12 | #60

    Minha observação não foi doentia ! Pergunte para o seu marido se não acredita em

    mim. O marido da Fernanda Lima deve estar rezando para que as crianças não

    sejam cabeçudas !

    • 26, julho, 2010 em 12:19 | #61

      Jacinto, que te importa a dimensão vaginal? Você é gay mesmo, nem tem acesso a ela.

  45. 24, maio, 2008 em 20:42 | #62

    @Jacinto

    Sua observação foi doentia. Típica de quem nunca leu um décimo das informações existentes sobre partos normais.

    • marina
      28, abril, 2011 em 11:28 | #63

      Concordo com vc Jacinto…Minha amiga teve as pregas do anus rasgadas porque o médico cortou demais. Teve que fazer cirurgia lá, e nem mesmo assim ficou como era. Parto Normal, tô fora. E outra, a cesária é apenas uma cirurgia simples, tem tanta gente fazendo lipo, refazendo a barriga que é coisa bem pior que uma cesária.

  46. 24, maio, 2008 em 19:43 | #64

    Quem deveria fazer a campanha NÃO deveria ser a Fernanda Lima, mas o marido

    dela ! Afinal, após ter gêmeos de parto natural, é ele quem vai perceber que a

    Fernanda Lima deixou de ser a mesma após o parto. Precisaríamos saber o que

    ele pensa a respeito do parto natural, além do mais de gêmeos ! A diferença será

    sentida por ele ! Fernanda Lima nunca mais será a mesma !!!

  47. 24, maio, 2008 em 07:21 | #65

    @Lucas

    Taí um grande mito. Não passa de folclore.

    A vagina é um músculo e tem a elasticidade necessária para permitir o parto e voltar completamente ao normal alguns dias depois.

    A natureza humana é perfeita. A mulher ficará "zero bala", pronta pra outra! :yep:

    Alguns médicos optam pela episiotomia (uma pequena incisão no local) para prevenir que a vagina "rasgue" em uma eventual insuficência de elasticidade. Isso propicia uma preservação maior ainda do canal vaginal.

    O alargamento da vagina só é comum na idade senil. É notório que a musculatura se torna naturalmente flácida em pessoas idosas. Mas isso pode ser adiado ou contornado com malhação e exercícios.

    ;)

  48. Lucas
    23, maio, 2008 em 20:50 | #66

    Olá, tambem concordo contigo sobre o opto pelo parto normal, claro, quando possivel. Porem, já ouvi algumas pessoas, que disseram ter feito cesário por este motivo, dizerem que, apos o parto normal a vagina sofre algumas consequencia, como, "ficarem um pouco mais largas" e se tornarem um pouco menos sensiveis. Isto confere?! Obrigado, tchau!

  49. 23, maio, 2008 em 19:02 | #67

    @Taciano

    Super importante esse link do artigo sobre tipos de partos que você deixou aí!

    Faço um convite à todos para que leiam!

    @ivi

    Relaxa querida! Isso não me afetou. Só lamento que alguém sem conhecimento de causa e isenção de informação, possa falar do assunto do modo como ele falou. Mas deixa pra lá! ;)

    Eu li seus textos. Gostei principalmente do primeiro e se eu tivesse sabido dele antes, sem dúvida iria citá-lo como referência. Está muito bem embasado! Parabéns!

    Também recomendo que leiam!

  50. 23, maio, 2008 em 17:43 | #68

    olá, sou ivi do geradorii, vi seu comentário sobre o post do meu coléga de blog e vim ler o que escreveu a respeito… bem, gostaria que lesse minha opinião sobre partos, relato do meu parto e o comentário que fiz no post dele… na verdade estou com vergonha sobre o que ele escreveu

    http://geradorii.com/2008/05/parto-normal-ou-cesrhttp://geradorii.com/2008/05/parto-do-lucas-eduarhttp://geradorii.com/2008/05/mulheres-o-non-sense

    adorei seu post e parabéns por honrar o direito de procriar, infelizmente é pelas covardes que essa linda campanha foi feita.. acredito que cesárea só é bem vinda quando é necessária.. como no meu caso, infelizmente na hora de nascer ele colocou a mão na cabeça e não ia ter passagem, nós dois corriamos risco de vida então tive que fazer cesárea de emergência, isso já tem 9 meses e ainda não aceito que fiz cesárea, acredito que só vou superar isso quanto tiver meu tão sonhado parto normal

    Beijos e obrigada desde já

  51. 23, maio, 2008 em 17:23 | #69

    Legal! Parabéns Ester!

    Interessante é que a maioria dos partos cesarianos partem dos médicos. É facil de entender ja que uma cesariana demora cerca de 20 minutos enquanto que a evolução de um trabalho de parto normal pode demorar horas…

    Infelizmente não há tanto interesse do governo para alertar a população quanto à morbimortalidade da cesariana!

    Gostei muito do video e também coloquei em meu blog =)

    Recentemente abri uma enquete a respeito da opinião sobre partos:
    http://www.blogdoredondo.com/artigos/enquete-4/

    e, escrevi um breve artigo sobre formas de parto:
    http://www.blogdoredondo.com/artigos/parto-normal

  52. 23, maio, 2008 em 11:55 | #70

    @Fernando

    ahauahauahauah Comigo tinha tempo ruim não! ahauahauah

    @Ma, @Rubiao, @Edegard, @Adão

    Obrigada por comentar!

    @Eliane

    Nossa, vc também teve suas filhotas por parto normal? Que maravilha!!! Beijooo!

    @Krika

    Pois é amiga. Aí no Japão deve ser a mesma coisa que lá nos EUA. Eles insistem no normal até nas últimas. A cesariana deve ser usada somente em casos estritamente necessários, quando oferecem risco à mãe ou ao bebê ou quando a mãe não consegue mesmo evoluir para o normal como o seu caso. Quem sabe nos seus próximos filhotes seja o contrário, né? :)

    Beijooo!

  53. 23, maio, 2008 em 08:19 | #71

    Oi amiga! Parabéns lindo texto.

    Pois é eu sonhava em ter meu filhote em parto normal, aqui os japas incentivam o parto normal fazendo a cesária só se não tiver outro jeito mesmo.No meu caso sofri demais, esperaram até o último segundo para ver que não daria pra ter normal para aí tomarem uma providência.Fui as pressas pra sala de cirurgia e ainda bem que no final deu tudo certo.

    Ser mãe é um dos sentimentos mais belos nessa vida, achei que a dor eu naõ esqueceria, mas quando peguei meu filho no colo, sabia que tudo aquilo tinha valido à pena.Hoje penso em ter mais filhos e nem me lembro da dor do parto rsrs.Eu também sou a favor do parto normal desde que não ponha em perigo a vida da mãe ou a do bebê.

    Um grande beijo.

  54. Eliane
    23, maio, 2008 em 05:22 | #72

    Adorei o texto!!!Me fez viajar e relembrar os meus partos….também fora três e todos normais….eu tbm morria de medo da cesárea….principalmente da anestesia :han:, mas diferentemente de vc o meu terceiro parto foi o que mais demorou, me internei na segunda com dilatação e só fui ganhá-la na quarta às 7:00 da manhã! Mas não me arrependo por ter optado pelo parto normal, a recuperação foi mais rápida. Parabéns pelo texto!Beijos a todos aí!

  55. 22, maio, 2008 em 18:53 | #73

    :jump:

    Os dois filhos que Kátia diz serem meus, nasceram por intervenção, no entanto, insistiram até o último instante para decidirem. Quando já havia passado alguns dias, resolveram arrancar o inquilino de onde estava. Porém, minha mãe teve 10 filhos de parto normais!

  56. Edegard
    22, maio, 2008 em 15:05 | #74

    Realmente a campanha é importantissima e necessária…o que me impressionada é que existe mulheres que além do medo ainda pensam na estética do corpo e abortam

  57. rubiao
    22, maio, 2008 em 12:05 | #75

    gostei do texto parabens.

  58. 21, maio, 2008 em 22:58 | #76

    Que legal!

    Sonho em ter os meus futuros de parto normal também! :drool:

  59. 21, maio, 2008 em 20:45 | #77

    Nossa, Ester O.o

    Você é muito "macha"!!! pirei huhauahuahua :joia:

    Tá de parabéns, pelos 3 filhotes, a coragem e principalmente a campanha no blog, gostei de ver. É uma guerreira. Fiquei totalmente convencido agora, vou ter meu parto normal hauahuah Coitada da minha futura senhora Fernando… mas, vou encorajar, já que é tão benéfico assim né?

    Fun facts são sempre bem vindos :yep:

Fechado para comentários.