Mulheres flexíveis

18.01.09 - 11:21 PM Ester Castro






Mulheres flexíveis

Taí uma coisa que não preciso ter a menor esperança de um dia conseguir fazer.
A ferrugem aqui bateu e aqui ficou.
Já as mulheres desta galeria de imagens parecem filhas de seringueira. Contorcionismos impressionantes!!
E meninos…, tentem não pensar bobagens ok!!! :))

Via Oink!









Confira outras postagens no blog!

2leep.com


Os comentários são via Facebook, portanto precisa estar "logado" para comentar. Vale lembrar que o teor dos mesmos são de inteira responsabilidade do comentarista.

Comente!! Assim saberei o que você pensa! ;)




  1. 17, julho, 2012 em 23:28 | #1

    I like…very good…

  2. IVO NOLASCO
    18, fevereiro, 2010 em 20:34 | #3

    Olá Ester Beatriz,

    Boa noite. Melhor é dizer bom dia.

    No dia 29 de dezembro último encaminhei-lhe comentário sobre o nosso Goiasão e sobre uma mulher com incrível capacidade de flexionar o corpo. Lembra o que minhas filhas pequenas fazem com suas bonecas. É carinho dos mais violentos.

    Na verdade, essas novas tecnologias comunicativas via satélite me lembram os antigos radioamadores. Acho que ainda existem alguns. Era uma mania muito parecida com a atual navegação via internet, guardadas as necessárias proporções.

    Veja, que não nos conhecemos e será sem dúvida remotíssima essa possibilidade. No entanto, nos falamos codialmente. Por certo que você é uma pessoa culta e tem muito a ensinar. Eu, raramente navego. Estou numa idade ótima (59). Quando eu quero, sou velho. Quando me interessa, sou jovem, conservadíssimo. Digo-o porque minha fome de aprender só aumenta. Aprecio muito a história. Recentemente, tomei conhecimento da história da vinda de Dom João VI para o Brasil, sob a óptica portuguesa. É muito interessante saber que os historiadores nacionais omitem alguns pontos que se tornam óbvios depois que os conhecemos. Sobre a Princesa Isabel, fiquei sabendo muito mais pelos portugueses.

    Bem, isto é somente uma provocação. Qualquer assunto que vc queira compartilhar, por favor, escreva. Sou raro na NET e posso demorar a responder.

    Tenha um bom dia.

  3. IVO NOLASCO
    29, dezembro, 2009 em 19:32 | #4

    Olá Ester Beatriz,

    Por um momento pensei que essa incrível contorsionista fosse você. Ainda estou tentado a crer nisso. Parabenizo-a pela adoção de Goiás como sua terra. Trata-se de um lugar maravilhoso onde vive um povo idem. Nem precisava dizer mas sou goiano "dos bão!"

    Desejo um excelente 2010 para você e sua família.

    • 30, dezembro, 2009 em 04:23 | #5

      Não, definitivamente não sou eu Ivo. Eu quebraria ao meio feito um pé de milho seco hahahahahahahaha

      E sim, Goiás é "bão dimais!!!"

      Feliz 2010!! :)

  4. 26, janeiro, 2009 em 15:52 | #6

    Parece impossivel…

    Abraço,

    Miguel (Utilnet)
    http://utilnet.blogspot.com/

  5. 25, janeiro, 2009 em 17:40 | #7

    Oi amiga desculpa a ausência, tudo muito corrido por aqui.Muitas caixas para arrumar e enviar acho que vamos voltar antes do tempo .E pra completar a bicheira do pc não quer funcionar e tenho que entrar dando boot com cd do linux.Bom deixa isso pra lá.Que coisa essas mulheres hein, acho extraordinário o que essas mulheres conseguem fazer rsrs.Quando eu tinha uns 13 anos eu brincava bastante fazendo alguns exercícios com o corpo,(é claro que nada comparado com essas moças), hoje em dia estou bem travada rsrs.Beijos

  6. 23, janeiro, 2009 em 17:56 | #8

    Tarde demais… huahauhau já pensei bobagem :drool:

  7. 19, janeiro, 2009 em 09:38 | #9

    Não era para pensar bobagem? Tarde demais!

  8. Vinicius Elisiario
    19, janeiro, 2009 em 07:58 | #10

    Noooooooossa que incrível, principalmente a primeira foto, a mina consegue sentar na própria cabeça e ainda roer as unhas dos pés, kkkk.

    Post Scriptum: Onde eu acho uma dessas???? :drool: :drool:

  9. Al Gore
    18, janeiro, 2009 em 20:34 | #11

    Ps.: Impossível não pensar bobagens né…

Fechado para comentários.