Arquivo

Arquivado em ‘Saúde’

Os limites da resistência humana

22, outubro, 2009 Ester Castro 35 comentários

A medicina está sempre fazendo novas descobertas sobre a capacidade humana de suportar certas adversidades.

Com base nisso, a pesquisadora sênior da National Geographic, editora e escritora Shelley Sperry, elaborou um quiz para testar os conhecimentos sobre os limites humanos e a revista National Geographic deste mês publicou esse resultado.

Os dados foram levantados numa estimativa feita para um adulto homem de cerca de 68 quilos sem qualquer equipamento.
É claro que sempre ouve-se muitos casos curiosos de sobrevivência e recordes que mais parecem milagre envolvendo limites muito maiores que os citados abaixo.

O site da revista não disponibilizou a matéria online portanto achei que seria interessante adaptar ao meu modo e dividir essa informação com quem não assina a revista.

Seguem então os dados no melhor estilo você sabia? :p

Temperatura Corporal

Qual é a temperatura máxima que o corpo humano pode suportar?
Febres altas são sempre preocupantes. E não é para menos. Se o calor do corpo chegar a 42ºC, a hipertermia não consegue ser revertida e isso pode ser fatal.
Sempre que apresentar febre alta, além do antitérmico, um banho morno por alguns minutos ajuda muito.

…………………………………………………………………………………………………………..

Água Gelada

A que temperatura de água gelada um homem pode aguentar?
A princípio ninguém em sã consciência daria um mergulho em águas gélidas para se divertir.
Mas acidentes acontecem e se uma pessoa ficar exposta em águas de até 4ºC, não sobreviverá mais que 30 minutos. Águas muito frias absorvem a temperatura do corpo muito rapidamente.

.………………………………………………………………………………………………………….

Calor

O quão quente precisa estar o ar para ser fatal?
Alguém em um prédio em chamas por exemplo, consegue resistir no máximo dez minutos em meio ao calor de até 150ºC.
Já uma criança não resistiria a 50ºC se ficar presa dentro de um carro.

…………………………………………………………………………………………………………..

AltitudeQual é o limite de altitude que pode fazer alguém perder a consciência?
Uma pessoa normal e sem preparo que se aventurar ao alpinismo perde os sentidos a uma altura de 4.500 metros.
Os nativos de regiões altas possuem pulmões maiores e maior concentração de células vermelhas no sangue, portanto conseguem suportar bem tamanha altitude.

…………………………………………………………………………………………………………..

MergulhoA que profundidade uma pessoa pode mergulhar sem equipamento?
Sem treinamento e sem equipamento algum uma pessoa pode desmaiar a 18 metros de profundidade em menos de 2 minutos.
Mas o limite que já conseguiram alcançar foi de 86 metros sem qualquer auxílio de escafandro ou bombas de oxigênio.

…………………………………………………………………………………………………………..

Falta de Oxigênio

Por quanto tempo uma pessoa consegue ficar sem oxigênio?
É muito comum uma pessoa chegar ao desmaio em menos de dois minutos sem nenhum ar.
Mas com muito preparo físico e treinamento é possível prender a respiração por até 11 minutos.

…………………………………………………………………………………………………………..

HemorragiaQual o percentual máximo de sangue que alguém pode perder?
Uma pessoa consegue sobreviver perdendo até 30%. Mas se chegar a perder 40%, só se salvará com uma transfusão de sangue imediata.

…………………………………………………………………………………………………………..

Fome

Quantos dias uma pessoa pode viver sem comida?
Uma pessoa pode sobreviver até 45 dias sem comer. Ao perder 30% do seu peso a morte é certa embora as doenças ocasionadas pela falta de comida possam matar muito antes.

…………………………………………………………………………………………………………..

SedeQuantos dias alguém vive sem água?
Cerca de 60 a 70% do nosso corpo é composto de água. A reposição de pelo menos um litro de água diariamente é primordial para que as células realizem suas funções.
Do contrário ninguém sobrevive mais do que sete dias.

…………………………………………………………………………………………………………..

Fonte: NGM Blog Central e National Geographic
Imagens: reprodução

Outubro Rosa – Ela Tem Que Saber

7, outubro, 2009 Ester Castro Fechado para comentários

Outubro Rosa

Estamos novamente em outubro e é nesse período que volta a ser realizada a campanha Outubro Rosa (citada aqui ano passado), que envolve várias programações e eventos focados à conscientização do combate ao câncer de mama.

Surgido há mais de dez anos nas cidades de Yuba e Lodi, na Califórnia, o Outubro Rosa foi o mês escolhido para a luta contra o câncer de mama, um esforço mundial para conscientizar e mobilizar a sociedade para o combate à doença. Desde então, vários outros países vêm aderindo ao movimento. No Brasil, durante todo o mês, diversos eventos vão colorir de cor-de-rosa importantes pontos do país para alertar a população sobre a importância da mamografia periódica para todas as mulheres com mais de 40 anos e do diagnóstico precoce, ressaltando que o exame mamográfico é o melhor meio para detectar tumores ainda em fase inicial, possibilitando a cura em até 95% dos casos. [Mais]

Uma das programações da campanha é o Ela Tem Que Saber envolvendo blogs e redes sociais empenhados em divulgar as informações pertinentes principalmente fazendo saber a todos que toda mulher acima de 40 anos tem direito à mamografia gratuita pelo SUS.

Ela Tem Que Saber
Clique na imagem para ver o vídeo e divulgue!

Quero inclusive aproveitar para agradecer ao convite feito pela FEMAMA, Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama que apóia o Outubro Rosa, para participar desse evento realizado ontem e de um calendário junto com outras blogueiras, mas infelizmente fiquei impossibilitada de participar por causa da distância.
Embora não participando, me sinto no dever social de dar a minha pequena contribuição na divulgação de um evento tão importante.

Todas as demais informações sobre o evento você acompanha no site Mulher Consciente inclusive uma agenda com as programações que serão realizadas durante o mês por todo o Brasil.

Saúde é tudo e fica ainda melhor se houver informação! ;)

A Planta Que Fuma – Resultado do projeto

24, setembro, 2009 Ester Castro 3 comentários

Esse post estava no meu draft junto com outros trocentos há alguns dias mas devido a famigerada falta de organização do meu próprio tempo, demorei para publicar.

Todos acompanharam a polêmica da Lei Antifumo, não é mesmo?
Foi por isso que uma galera da Pix e da Fisher desenvolveu um projeto com o apoio de mais gente bacana aí, denominado A Planta Que Fuma, que consistia numa experiência envolvendo dois girassóis e os efeitos do fumo passivo.

O site do projeto deixou um câmera ligada 24 horas para que os internautas pudessem acompanhar dia após dia em tempo real a evolução da experiência.

Pois muito bem. O projeto chegou ao fim e o vídeo abaixo mostra o resultado. Acompanhe:


A PLANTA QUE FUMA from Fischer Fala on Vimeo.

E aí? Dá pra refletir ou não? :80:

Via Brainstorm#9

Categories: Campanha, Saúde, Tudo, Vídeo, Web

Saiba o sexo do bebê através de um teste de urina

11, setembro, 2009 Ester Castro 25 comentários

Menino ou Menina (IntelliGender)

Ontem, enquanto aguardava o ortodontista atender meu filhote nº 1, ocupei meu tempo folheando revistas quando me deparei com o anúncio desse teste de urina chamado Menino ou Menina (IntelliGender), que possibilita identificar o sexo do bebê a partir da 10ª semana em poucos minutos!

Ok, isso aí já não é mais nenhuma novidade estando no mercado americano desde 2004 sendo que também já pode ser comprado em farmácias aqui no Brasil há algum tempo, mas eu juro que até o momento não sabia que isso era possível!

Hellooooo!!! Minha última gestação foi há cinco anos e de lá pra cá qualquer assunto relacionado à gravidez deixou de fazer parte da minha busca diária de informação, ok! Então me dá um desconto, tá! hahahahahahahahaha

De qualquer forma, achei esse teste de farmácia curioso. Só que…. apesar dele ter lá o seu lado divertido de brincar com as possibilidades, achei o produto caro pra burro!
Pesquisei em Goiânia e lá está sendo vendido a R$ 299,00. Um pouco sem noção demais uma vez que o produto informa uma margem de erro entre 10 e 20%  (o que é uma taxa altíssima) enquanto que um exame de Ultra-som 3D possui uma margem de erro beeeeeem menor em torno dos 2% e dependendo do lugar custa a metade do preço. Aí não né??

Bom, eu sempre achei que saber o sexo do bebê antes de nascer era uma bobagem. Na gravidez dos meus dois primeiros filhos eu pedia ao médico para não me deixar saber. Eu gostava da ideia de surpresa e seguia aquela velha premissa, não importa o sexo e que venha com saúde.
Só na última gestação é que desencanei e deixei a curiosidade falar mais alto. Mesmo assim os exames não davam certeza alguma. Enquanto um médico via algo que parecia um sanduichinho levando a crer ser uma menina, outro já conseguia ver uma manjubinha
Só lá pelo 7º mês através de um ultra-som tridimensional é que veio a confirmação: outro sacudinho! :=)

E por falar nisso…

Além da ultra-sonografia, o mais tradicional, utilizado e conhecido método de sexagem, existe também um exame de sangue que chamam de determinação do sexo fetal, feito no Brasil desde 2003, que utiliza uma técnica chamada  PCR ou Polymerase Chain Reaction (Reacção em cadeia da polimerase) para extrair o DNA do feto a partir de uma amostra de sangue da mãe. Essa técnica identifica a existência ou não do comossomo Y que é responsável pela determinação do sexo masculino.
Esse exame já pode ser feito a partir da 8ª semana de gestação e sua taxa de acerto chega a 99,9 % a partir da 11ª semana. [Mais…]

COW – Campanha impactante contra o uso de celular ao volante

19, agosto, 2009 Ester Castro 2 comentários

"... só vacas estúpidas digitando enquanto dirigem"
“… só vacas estúpidas digitam enquanto dirigem”

O vídeo abaixo é a parte mais chocante de um filme de 30 minutos,  feito pela Tredegar Comprehensive School em conjunto com o Gwent Police, respectivamente uma escola tradicional e o departamento de polícia de Gwent, um antigo condado do País de Gales.

A premissa é clara. Fazer um alerta contundente aos jovens, a princípio daquela região, sobre o uso irresponsável de celulares ao volante em especial enviando SMS. O foco é conscientizar tanto os adolescentes como também os futuros motoristas.

O curta metragem denominado COW tem no roteiro uma jovem de nome Cassie Cowan, carinhosamente chamada entre amigas pelo nick homônimo Cow, que mata quatro pessoas num acidente de trânsito provocado por ela quando digitava um SMS enquanto dirigia.
Ao que consta, esse filme é uma sequência de um documentário chamado Lucky Luke que foi produzido há 14 anos atrás e que visava mostrar as consequências devastadoras da direção perigosa.

A direção é de Peter Watkins, perito em documentários e comerciais de carga dramática e o elenco foi composto por atores e atrizes locais.

O que chama a atenção, além do propósito em si, foi a perfeição dos efeitos especiais da cena do acidente. Ficou extremamente realista e ao meu ver endossa ainda mais a ideia proposta: alertar!
Acompanhe:


Se o vídeo não carregar, clique aqui.

Não consegui encontrar o filme inteiro mas achei um fragmento com uma cena que acontece antes do acidente que imagino ser a primeira parte do filme [link], e um fragmento de uma cena depois do acidente [link].
Se alguém souber onde posso achar o filme na íntegra, por favor informe nos comentários.

Bom…, acho que esse conteúdo deveria ser reproduzido a nível mundial em tudo quanto é canal de televisão. Sou a favor sim de fazer alertas despudorados sobre questões que envolvem a segurança coletiva. Infelizmente é preciso chocar pra fazer cair a ficha.

Quantas e quantas vezes uma atitude inconsequente de uma só pessoa pode gerar uma tragédia envolvendo vários inocentes. Isso acontece muito. Não só “brincando” com celular ao volante mas também dirigindo embriagado, com sono ou fazendo ultrapassagens perigosas entre tantos outros fatores.

É óbvio que campanhas não resolvem os problemas mas muitas vezes é preciso um tapa na cara como esse para pelo menos fazer pensar. Quanto mais se falar e refletir a respeito de um problema recorrente, maiores são as chances dele ir de encontro à solução.

E sim. O slogan da campanha foi a melhor parte. :evil:

Via Uhull